sexta-feira, 4 de junho de 2010

Utopia da liberdade.

Voar, eu queria voar. Voar alto, para longe. Deixar todos os problemas para trás, deixá-los no chão. Esquecer tudo. Tudo e todos. Por um instante apenas. E assim ficar leve a ponto de voar. Ir além do mais alto prédio, da mais alta montanha, na busca de sei-lá-o-que. Talvez a procura de mim mesma. Ou então na procura de nada. Ir além do que um ser humano atreveu chegar. Ver todas as maravilhas desconhecidas. Atravessar as nuvens, sentir o gosto de algodão doce que tanto falam. Desrespeitar a lei da gravidade. Ser livre como um pássaro. Desconectar-me dos pensamentos. Ir aos lugares impossíveis e inimagináveis. Espairecer. Voar como um balão quando solto, até que não seja mais visto pelos humanos. Pensar. E assim, aterrissar, é preciso viver, arcar com as consequências da vida. Viver de uma maneira diferente de que vivia antes de voar, viver mais intensamente, aproveitar cada segundo, aproveitar cada voo antes que seja tarde demais. 

7 comentários:

  1. Eu tenho vontade de fazer isso quase sempre , aliás queria poder fazer isso agora , respirar um pouco , recarregar a bateria , queria viver intensamente sem ninguém pra impor suas vontades sobre mim :s

    ResponderExcluir
  2. Nossa, eu também tenho essa vontade, sempre. As vezes é preciso esquecer nossos problemas e cuidar de nós mesmas, deixa os problemas pra lá e vá viver um pouco. Depois volte e mais da metade deles desapareceram.

    ResponderExcluir
  3. Acho que tirei essa semana para voar, sumir. Tentar esquecer e ser esquecida, até fiz um texto sobre isso (que não publiquei, ainda). Adorei seu texto, porque reflete perfeitamente o meu sentimento. O problema é quando chega a hora de pousar, o que fazer?

    ResponderExcluir
  4. A hora de pousar não é nada fácil, exige completo desapego as emoções que sentimos na hora do voo. Voar, é bom, mas não podemos viver voando, infelizmente temos que estar com os pés firmes no chão. Obrigada :)

    ResponderExcluir
  5. seira bom ir para um lugar onde eu pudesse esquecer todos os meus problemas =) Só de imaginar, me sinto mais leve *-*
    (by: Jaci M.)

    ResponderExcluir
  6. você disse exatamente oque eu sinto as vezes.

    ResponderExcluir